Transoeste passa por duas intervenções em nove meses

As obras de reparo na Transoeste, principal corredor de ônibus expresso que liga Barra da Tijuca a Santa Cruz, vai ter duração de dois meses e sem a garantia de que novas alterações não serão realizadas.

Há uma semana, o asfalto cedeu na faixa do BRT próximo da estação Mato Alto e também na ponte do Canal das Cinzas, que foi interditada para os consertos. Devido as obras, os motoristas são obrigados a fazer outra rota de quase 8 km, entre as estações Mato Alto e Magarça. O trânsito é desviado pela Estrada do Mato Alto ou pela Estrada da Matriz, passando por Pedra de Guaratiba. Os veículos só chegam na via expressa do BRT após a estação Magarça.

Desde a inauguração, esta é a segunda vez que o BRT sofre paralizações, inclusive no mesmo ponto em frente a Estação Mato Alto, onde também ocorreu problemas com o asfalto.

Foto: Diego Pexiolini

Comentários

comentários

Deixe um Comentário