Bate papo com Alex Dantas, treinador do juniores do Campo Grande

A equipe de juniores do Campo Grande volta a campo neste sábado (20) às 10h pela Liga Rio Copa para enfrentar a equipe do Semel/Queimados no estádio do Artsul.

A partida será a terceira da equipe na competição, o Campusca vem de duas vitórias consecutivas sobre o Amora Brasil F.C e sobre o Nova Esperança F.C.

O técnico da equipe Alex Dantas, bateu um papo com o Folha da Terra:

Folha da Terra: Qual é sua expectativa em relação a disputa da Liga Rio Copa?

Alex Dantas: A liga nós iremos utilizar como experimentação para o Carioca da Série C, já que o grupo está em formação. Nós tivemos uma fusão de dois grupos que vinham de um trabalho e então nós iremos fazer este tipo de observação, porque é uma competição que eu acho que tem um grande propósito pra gente neste momento.

Folha da Terra: Como você encara esse novo desafio na sua carreira, que é disputar a Liga Rio Copa?

Alex Dantas: Eu não conhecia, quando agente entra em uma competição, o objetivo é sempre ganhar. Apesar de ser uma experimentação, nós temos um nome de um clube de tradição para zelar, então em determinados jogos temos que fazer um resultado maiúsculo para que possamos mostrar o nosso trabalho. E será de grande valia para a formação do grupo esta competição.

Folha da Terra: O que você achou dos primeiros dois jogos do time na competição? Deu para tirar alguma coisa positiva?

Alex Dantas: Muitas, muitas conclusões, são os primeiros jogos do grupo, é aí que conhecemos os jogadores, como eles são, as características que eles podem corrigir e nós temos muito a fazer na parte tática para acertar, tem muito ainda a melhorar ,e é isso que me deixa feliz, nós temos um grupo muito bom nas mãos.

Folha da Terra: Mesmo com pouco tempo de trabalho ainda, você consegue destacar algum valor individual dentro do elenco?

Alex Dantas: Neste inicio de trabalho, eu destaco as atuações do nosso lateral direito Alexandre Albuquerque, o volante Bruno Lins, o atacante Igor Figueiredo e também o Luan.

Folha da Terra: Como está sendo a montagem deste elenco?

Alex Dantas: Ano passado, eu era treinador do juvenil do São Cristóvão, nós tínhamos já uma base desse trabalho do ano passado e tínhamos um trabalho de mais ou menos três semanas com esse grupo de juniores do Campo Grande, fizemos um amistoso, reunimos os melhores e então com esta base estamos trabalhando há praticamente um mês.

Folha da Terra: Vocês estão com o grupo fechado ou estão montando o elenco ainda?

Alex Dantas: Nós iremos estar em montagem sempre, até o final do ano. Nós vamos divulgar peneiras aqui no Ítalo Del Cima, daremos chances aos garotos das redondezas, pois acho isso importante, pois isso cava a origem de um grupo, de um clube em um determinado local e é essa raiz que devemos valorizar e essa tradição deve ser sempre valorizada.

( Diretor: Reinaldo Mendonça, Auxiliar Técnico: Doglas Brito, Preparador Físico: Renato Deleon, Treinador: Alex Dantas ).

Foto: Thiago Gico

                        {flike}

Comentários

comentários

Deixe um Comentário