Hospital da Mulher completa um ano com 3,5 mil partos realizados em Bangu

Primeira unidade pública da Zona Oeste voltada exclusivamente à saúde feminina, o Hospital da Mulher Mariska Ribeiro, em Bangu, completou na sexta-feira, dia 28 de junho, um ano de funcionamento com 3.522 partos realizados. O hospital atendeu também a mais de 22,5 mil emergências diversas – de mulheres ou de seus recém-nascidos – e realizou 1.148 procedimentos cirúrgicos ginecológicos ou obstétricos (fora as cesarianas), como videolaparoscopias e vídeo-histeroscopias.

A realização desses procedimentos é possível porque o Hospital Mariska Ribeiro é equipado com tecnologia de ponta, sendo um dos mais modernos da cidade em serviços especializados para a mulher, tanto da rede pública quanto da privada. Entre os equipamentos disponíveis na unidade estão incubadoras modernas e eficazes que, em comparação aos equipamentos tradicionais, podem reduzir em até um terço o período de internação dos recém-nascidos na UTI neonatal.

 O Hospital da Mulher tem ainda enfermaria canguru com seis leitos. O método busca humanizar ainda mais os cuidados prestados aos recém-nascidos internados na UTI, permitindo que o bebê receba os cuidados maternos ainda durante a internação. A unidade integra também a rede do programa Cegonha Carioca, que atende gestantes em toda a cidade.

São oferecidos também serviços de ambulatório de pré-natal e ginecologia, sala de exames e pequenos procedimentos em ginecologia e obstetrícia, hospital/dia (unidade de observação para a paciente), exame diagnóstico de câncer cérvico-uterino, ultrassonografia, raio-x e exames de controle de movimento do bebê. Neste primeiro ano de funcionamento a unidade realizou quase 15 mil consultas ambulatoriais.

{flike}