Edson Zanata discute a Estrada Rio São Paulo na Câmara Municipal do Rio

Os prefeitos do Rio de Janeiro, Nova Iguaçu e Seropédica devem ir ao Ministério dos Transportes – Departamento Nacional de Infraestrura Terrestre tratar desse grave problema.

Edson Zanata, vereador campo-grandense, defendeu na Tribuna da Câmara Municipal do Rio de Janeiro a duplicação e modernização da Estrada Rio São Paulo – Rodovia BR 465. O parlamentar destacou pontos relevantes da questão: citou os 31,9 km de via que corta três municípios (Seropédica, Rio de Janeiro e Nova Iguaçu), a presença da UFRRJ, do Porto de Sepetiba, da Estação de Tratamento do Guandu, da AmBev, e lembrou que a estrada tem uma única faixa de rolamento para cada sentido e sem acostamentos, motivo dos constantes engarrafamentos agravados com as paradas de ônibus e caminhões.

Acrescentou dizendo que a rodovia é federalizada, pedagiada e a discussão dos seus problemas passa por entraves burocráticos que envolvem os prefeitos do Rio de Janeiro, Seropédica e Nova Iguaçu que juntos, tem o compromisso de resolver os dezoito radares implantados, dezenas de ondulações transversais, quebra-molas e centenas de buracos, considerados crateras para acabar com o sofrimento dos que trafegam por ali.

{loadposition folhadaterra-posicao10}

{jcomments on}