Pelada do GFMR empolga mais uma vez

Zagueiro Márcio (amarelo) impede mais um avanço de Cadinho

Goleiro Junior intercepta mais um lançamento para Paulo Rabelo observado por Samir

O GFMR voltou a se encontrar no Sítio Tropical, no Rio da Prata, para sua tradicional pelada de final de semana. O primeiro tempo foi de pouca movimentação com o time Amarelo amargando a insegurança da sua zaga.  Márcio sozinho, não dava conta do recado e ainda levava a pior na disputa com Paulo Rabelo. “Me pisando de novo”, reclamava o zagueirão. Por conta disso seu time perdeu o primeiro tempo por 3×2. Cadinho abriu o placar para o Preto e Renatinho empatou. Nessa altura o Amarelo jogava com o coração encurralando o Preto que mesmo assim voltou a marcar duas vezes com Boca e Tovar em contra ataques rápidos. No final, se entendo mais com Renatinho, Ueliton diminui para o Amarelo. Pará, Derek e Cadinho sufocados, comemoraram o fim do primeiro tempo.

Veio o segundo tempo e com ele mudanças e melhoria na parte técnica. O Amarelo ensaiou uma reação com Emilio empatando a partida, mas não conseguiu a virada. O Preto passou a jogar no erro de posicionamento de Emílio e Ueliton e contra atacava com Paulo Rabelo que marcou duas vezes e fez 5×3. Em busca do empate Joel abandonou a zaga Amarela e deu a Josué, Bobo e Samir cansado, a incumbência de parar Paulo Rabelo e Jorge. Não deu certo e Jorge marcou mais duas vezes e Marco Aurélio outra. Em vantagem no placar Ricardinho e Cadinho fecharam a zaga e impediram a 2ª tentativa de reação Amarela desenhada por Emílio que marcou duas vezes e Joel outra. Não deu tempo, placar final Preto 8×6.

{loadposition folhadaterra-posicao10}

{jcomments on}

Comentários

comentários

Deixe um Comentário