Lucinha foi multada por propaganda antecipada

Um candidato a deputado federal e duas candidatas a deputada estadual levaram o total de R$56 mil de multa por propaganda antecipada, na sessão do Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro desta quarta-feira (6). O ex-chefe da Casa Civil da prefeitura do Rio, Pedro Paulo (PMDB), e a deputada estadual Lucinha (PSDB) foram multados em R$ 25 mil cada, por se beneficiarem da máquina pública em Pedra de Guaratiba, Zona Oeste, colocando cartazes e galhardetes de agradecimento em postes, pela iluminação pública. Candidata a deputada estadual e casada com o prefeito de Mesquita, na Baixada Fluminense, a então secretária de assuntos institucionais Daniele Guerreiro (PMDB) terá que pagar R$ 6 mil por promover sua imagem, em fevereiro, na página oficial da prefeitura na internet e em jornais locais. Cabe recurso ao Tribunal Superior Eleitoral, em Brasília.

{loadposition folhadaterra-posicao10}

{jcomments on}

 

Comentários

comentários

Deixe um Comentário