Ginástica Artística revela talentos em Santa Cruz

Saltos, giros e até mortais. Os primeiros passos na ginástica artística ainda saem um pouco tímidos, mas firmes. É no projeto Esporte para Todos, que recebe o apoio da Secretaria de Estado de Esporte, Lazer e Juventude (Seelje) por meio da Lei de Incentivo ao Esporte, que cerca de 100 alunos, entre 4 e 17 anos, ensaiam os movimentos. Duas vezes por semana, em dois turnos, crianças e jovens praticam a modalidade no CIEP Papa João XXIII, em Santa Cruz, na Zona Oeste do Rio.
Tatiane Pinto, de 9 anos, é uma das menores do grupo. Lembra muito outra pequena notável, Flávia Saraiva, ginasta carioca, de 16 anos, que foi descoberta no projeto e está na seleção brasileira adulta. Influenciada pela irmã mais velha, Tatiane se interessou pela ginástica. E agora só quer saber de dar salto mortal.

ginastica artistica
– Não achei difícil no início, não. Gosto muito das aulas. Fazemos de tudo um pouco nas aulas, mas eu gosto mesmo é de dar mortal. Quero ser uma grande ginasta – disse Tatiane, que mora em Santa Cruz.
Maria Eduarda de Souza também se destaca pela desenvoltura nas aulas. Com 13 anos, a jovem já participou de alguns campeonatos regionais e se recorda das lições passadas pelos professores.
– Além da ginástica, eles dizem que a gente precisa ter disciplina e se alimentar de forma saudável. Acho a Daiane dos Santos incrível e, se eu não conseguir ser uma ginasta, quero ser professora e ensinar o esporte – afirmou Maria Eduarda.

Comentários

comentários

Deixe um Comentário