Histórico! Grandes jogadores se reúnem em Moça Bonita

O dia 16 de julho de 2016 estará para sempre na história do Bangu Atlético Clube. Reunindo craques que brilharam com o manto alvirrubro, os torcedores foram brindados com uma verdadeira viagem no tempo no Estádio Proletário Guilherme da Silveira Filho. Gilmar, Mário Marques, Ado, Arturzinho, Baby, Paulinho Criciúma, entre tantos outros, foram a campo no jogo entre o time vice-campeão brasileiro de 1985 contra o campeão da Taça Rio de 1987.

O sorriso estampado no rosto de todos foi à marca da festa na Zona Oeste. Torcedores de todas as gerações reverenciaram seus ídolos e Marinho, último jogador do clube a ser convocado para seleção, há exatos 30 anos, mesmo não podendo jogar, foi o grande homenageado da festa. O ex-atacante falou sobre a emoção do evento daqueles que fizeram a história:

“Foi uma das maiores emoções que vivi aqui, principalmente por rever meus amigos. Tenho certeza que o Bangu não medirá esforços para promover anualmente esta festa. Muita coisa passou na cabeça de todos nós, um filme de nossas vidas. Infelizmente não cheguei a tempo de participar do jogo, mas tinha que entrar em campo para aliviar um pouco a vontade”, disse o eterno camisa 7, que não viu a vitória do time de 1985 por 2 a 1.

Jubileu de ouro do título Carioca é celebrado

Igualmente festejados, os atletas campeões estaduais de 1966 foram homenageados, O goleiro Ubirajara Mota, o zagueiro Luis Alberto, o meia Jaime e o atacante Ênio receberam das mãos de Gilmar, Márcio Rossini, Arturzinho e Paulinho Criciúma, respectivamente, placas pelos serviços prestados ao clube. O técnico do clube, Mário Marques, entregou a lembrança a Marcelo Tito, filho do também campeão Mário Tito, falecido em 1994:

“O Bangu estará para sempre no coração de cada um de nós. Aqui comecei e carrego até hoje um carinho imensurável por estas duas cores. Vivi de tudo um pouco, provei de todas as emoções enquanto jogador de futebol”, disse Ubirajara Mota.

Os alimentos arrecadados no evento foram destinados ao Centro de Apoio à Criança com Câncer.

Agência FERJ/Fonte: Emerson Pereira e Fabio Menezes

Comentários

comentários

Deixe um Comentário