Congresso Alacero – 57 apresenta solução para a cultura da Zona Oeste

Desde o dia 24 de outubro deste ano está acontecendo no Hotel Windsor Barra (Rio de Janeiro) o Congresso Alacero-57. Em conjunto com os expoentes mais importantes da indústria regional e internacional e personalidades relevantes da economia e da mineração, o evento é considerado o mais importante da cadeia de valor do aço da América Latina.
Já no seu primeiro dia, o evento contribuiu com a Zona Oeste da Cidade, ” a original – Santa Cruz a Deodoro – “, ao realizar o 9º Concurso Alacero para Estudantes de Arquitetura 2016 e premiar dois projetos que apresentaram distintas condições sociais, ambientais, econômicas e de localização – oferecem um trabalho de alta qualidade e de ajuda à comunidade.
O concurso que abordou o tema, “Centro Cultural”, foi desenvolvido por 672 estudantes da América Latina e vencido por brasileiros e chilenos. O objetivo foi buscar, através da utilização do aço, uma melhora na qualidade de vida da população mediante a construção de um equipamento cultural, que pode ser usado em cidades carentes desse tipo de infraestrutura. É o caso da Zona Oeste da cidade do Rio de Janeiro.
O prefeito eleito da cidade que será conhecido nas eleições do próximo domingo (30.10), poderá executar tais projetos e cumprir promessas de investimentos na cultura da região, que abriga quase 50% da população e da área do Município do Rio de Janeiro e não possui nenhum centro cultural. Potenciais produtores de aço da região – Gerdau-Cosigua e Thyssenkrupp – CSA – poderão ser convidados para debater a questão.
O concurso foi uma iniciativa da Associação Latino-Americano de Aço (Alacero) para incentivar nos futuros profissionais da arquitetura uma relação com o aço como material de construção, aproveitando todos os seus

Comentários

comentários

Deixe um Comentário