Um pedaço da Mata Atlântica no centro de Campo Grande

Encravado na Serra do Cantagalo, bem atrás do Park Shopping, existe um imenso fragmento isolado de mata atlântica, com 73,12 ha (ICMBIO), fração da Fazenda Inhoaíba, que possui área total de 3.000 ha.

Ali, encontra-se a maior Reserva Particular do Patrimônio Natural (RPPN) do município do Rio de Janeiro, que recebe o nome de Centro Ecológico Ana Gonzaga. Atualmente, tal Centro, é administrado por uma Igreja de denominação metodista.

Segundo moradores da região, existem inúmeros relatos de avistamento de cães do mato (Cerdocyon thous), cobras (jibóias e jararacas), além de tapitis (coelho do mato), pacas, capivaras, fora uma indescritível quantidade de aves silvestres, entre outros seres.

Há potencial de trabalho na identificação de espécimes vegetais e no manejo das trilhas, que poderiam ser de grande uso na educação ambiental.

por Luciano Tadeu – Mestrando do Programa de Pós-Graduação em Ciência e Tecnologia Ambiental da UEZO.

Comentários

comentários