Procon autuou 8 supermercados em Guaratiba

Todos os oito supermercados fiscalizados pela Operação Secos e Molhados, do Procon Estadual, na terça-feira (12/06), foram autuados. Eles ficam localizados na Zona Oeste do Rio. Os fiscais descartaram 88kg e 689g de alimentos impróprios para o consumo.

Em quatro dos oito mercados foi encontrada carne previamente moída: Nossa Rede (Rua Belchior da Fonseca, 310, Pedra de Guaratiba), Rede Economia (Estrada do Catruz, 2.818, Pedra de Guaratiba), Super Rede (Rua Ronda Alta, s/nº, quadra 59, lote 26, Guaratiba) e Super Compras (Estrada da Pedra, 4.940, Guaratiba). A lei determina que a carne bovina deve ser moída após o pedido do consumidor e diante dele – a menos que ela já venha moída do distribuidor.

No Multi Market da Estrada da Pedra, 2.240, Santa Cruz, a equipe de fiscalização encontrou 656 caixas de leite integral Godam dos lotes J82 e P91. Elas haviam sido retiradas da área de venda e estavam separadas para devolução. Esses lotes foram reprovados em um teste da Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária, Pesca e Abastecimento. Os fiscais deram um prazo de 15 dias para a comprovação da devolução do leite ao fabricante.

Balanço da Operação Secos e Molhados:

1 – Mercado New Up (Rua Campo Mourão, lote 19, quadra 90, Guaratiba): Produtos vencidos na câmara de resfriados: 11kg de peito de peru e 950g de queijo Minas. Piso rugoso nas câmaras frigoríficas. Ralo sem tela de proteção na entrada das câmaras. Os fiscais deram um prazo de 15 dias para os reparos. Ausência dos certificados do Corpo de Bombeiros e de potabilidade da água e do Livro de Reclamações. Não vende nem estoca leite Godam.

2 – Multi Market (Estrada da Pedra, 2.240, Santa Cruz): Ralos não sifonados e sem tela de proteção na área de preparo e nas entradas das câmaras refrigeradas. Na câmara resfriada de carnes, piso com buraco, rugosidade e acúmulo de água e base do batente da porta com ferrugem. Na câmara de congelados de carnes, piso sem revestimento liso, lavável e impermeável. Na área de estoque de secos, ausência de revestimento nas paredes e no piso. Os fiscais deram um prazo de 15 dias para os reparos. Ausência do certificado de potabilidade da água, do Livro de Reclamações e do respectivo cartaz, dos cartazes do 151 e do que informa sobre a proibição da venda de bebidas alcoólicas para menores de 18 anos. Havia 656 caixas de leite integral Godam dos lotes J82 e P91 retiradas da área de venda e separadas para devolução. Os fiscais deram um prazo de 15 dias para a comprovação da devolução do leite ao fabricante.

3 – Nossa Rede (Rua Belchior da Fonseca, 310, Pedra de Guaratiba): Ausência do alvará, do certificado do Corpo de Bombeiros, do Livro de Reclamações e dos certificados de dedetização e de potabilidade da água. Havia um botijão de gás engatado no fogão. Os fiscais determinaram a retirada imediata, uma vez que não foi apresentado um laudo autorizando o uso do botijão. Na câmara do açougue, piso quebrado, tendais e trilhos enferrujados. Piso quebrado na área de preparação. Ralo sem proteção na câmara resfriada. Piso de cimento rugoso na câmara congelada. Na área de padaria, pisos quebrados, ralo sem tela de proteção e lixeira sem tampa. Câmara da padaria com piso quebrado. Fiação exposta no equipamento do balcão refrigerado. Os fiscais determinaram a limpeza imediata de utensílios e máquinas. 6kg e 690g de carne previamente moída exposta à venda no balcão. Não vende nem estoca leite Godam.

4 – Rede Economia (Estrada do Catruz, 2.818, Pedra de Guaratiba): Ausência do certificado do Corpo de Bombeiros e de duas balanças de precisão para uso por parte do consumidor. Piso das câmaras em cimento rugoso e com trinca e buracos. Os fiscais deram um prazo de 15 dias para os reparos. 32kg e 205g de carne previamente moída exposta no balcão de vendas. Não vende nem estoca leite Godam.

5 – Super Rede (Rua Ronda Alta, s/nº, quadra 59, lote 26, Guaratiba): Na câmara de carnes, ferrugem em tendais, prateleiras e trilhos e cimento rugoso no piso. Nas câmaras congeladas de suínos e de frangos, ferrugem nas prateleiras e trilhos e piso de cimento rugoso. Os fiscais deram um prazo de 15 dias para os reparos. Ausência do Livro de Reclamações. 2kg e 532g de carne previamente moída exposta à venda. Ausência do certificado de potabilidade da água. Não vende nem estoca leite Godam.

6 – Super Compras (Estrada da Pedra, 4.940, Guaratiba): Nas câmaras de congelados e resfriados, piso rugoso com acúmulo de água e pontos de ferrugem na porta;. Os fiscais deram um prazo de 15 dias para a realização dos reparos. Produtos sem especificação da validade: 3kg e 372g de queijo prato e 11kg de amido de milho. 4kg de creme de decoração para tortas sabor caramelo vencido. 16kg e 940g de carne previamente moída embalada e exposta à venda. Ausência dos cartazes do 151 e do que informa a proibição da venda de bebidas alcoólicas para menores de 18 anos Ausência do Livro de Reclamações e do respectivo cartaz. Ausência dos certificados do Corpo de Bombeiros, de dedetização e de potabilidade da água. Não vende nem estoca leite Godam dos lotes proibidos.

7 – Super Mais Carioca (Rua Celidônia, s/nº, Guaratiba): Ausência do alvará, do certificado do Corpo de Bombeiros, do Livro de Reclamações e do respectivo cartaz, do cartaz do 151, do que informa a proibição da venda de bebidas alcoólicas a menores de 18 anos e dos certificados de dedetização e de potabilidade da água. Ralo não sifonado e sem tela de proteção e pontos de ferrugem na estrutura de uma das câmaras. Os fiscais deram um prazo de 15 dias para os reparos. Não vende nem estoca leite Godam dos lotes proibidos.

8 – Super Market (Estrada da Matriz, 65, Pedra de Guaratiba): Piso da câmara de laticínios em cimento rugoso e com fissuras. Câmara de resfriamento com trilhos enferrujados. Ausência de duas balanças de precisão para uso por parte do consumidor. Os fiscais deram um prazo de 15 dias para os reparos. Não vende nem estoca leite Godam.

Comentários

comentários