Amador da Capital é da Zona Oeste: Cara Virada e Cruzeiro levantaram a Taça de Campeão

Em partidas válidas pelo Torneio Amador da Capital 2018 da Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro, o Cara Virada Futebol e Arte, de Campo Grande, Santa Margarida – e o Cruzeiro Futebol Clube, de Realengo, do técnico Luciano, levantaram os títulos de campeão do Torneio Amador da Capital, categoria sub 17 e sub 15, respectivamente, ao vencerem o União, de Jacarepaguá, Vargem Grande – e o Juventude, da Ilha do Fundão, por 6×5 na cobrança de pênaltis – placar do jogo 2×2 – e 6×0, respectivamente, na manhã do dia 29 de setembro, no campo do Bangu.

Cara Virada x União

LUCIANO camisa 21 resolveu tudo

O time do Cara Virada cortou um dobrado para vencer o União e contou com a sorte do atacante Luciano que saiu do banco aos 20 minutos do segundo tempo para empatar o jogo aos 89 minutos e nas cobranças de pênaltis bater a sexta e última cobrança para marcar e levar para Campo Grande o título de campeão.
A partida foi equilibrada com uma ligeira vantagem para o União que usava a técnica para construir boas jogadas e sufocar o adversário. O Cara Virada usava mais a força e a velocidade para suportar as investidas do adversário e atacar com perigo.
O resultado parcial de 1×1 com gols de Yuri (União ) e Fábio; e final de 2×2 com gols de Wellington (União) e Luciano, fez justiça. Na disputa de pênaltis, também equilibrada, valeu a sorte do atacante Luciano. As duas equipes criaram boas oportunidades de gol que movimentaram bem a partida que teve pênaltis perdidos e convertidos.
O Cara Virada foi campeão com: Mateus, Bruno, Renato, Carlos Eduardo, Bruno, Marx, Wiver, Nata, Carlos Jesus (Luciano), Fabio e Yan.
O União jogou e perdeu com: Alexandre, Artur, Yuri, Claudio, Davi, Wellington, Gustavo, Igor, João Lucas, João Marcos e Thiago.

Cruzeiro x Juventude

Capitão levanta a taça

Com técnica e espírito de competição aliada a boa condição física dada pelo preparador físico André Luiz Chagas, não foi difícil para a equipe de Realengo vencer ao bom time do Juventude. A coragem do técnico Luciano que não se acomodou com a vantagem parcial – 2×0 – e botou o time pra frente no segundo tempo, representou bem a atitude do time campeão.
A goleada começou a ser desenhada aos 09 e 33 minutos do primeiro com o centro avante Erick marcando duas vezes. No segundo tempo o Juventude voltou com tudo na tentativa de reverter o placar, mas encontrou um Cruzeiro pensando em ampliar e garantir o título. O jogo ficou aberto com chances para os dois lados até aos 11 minutos, quando Jonathan aumentou a diferença – 3×0 -. O gol foi como uma ducha de água fria sobre o Juventude que saiu no desespero e levou mais três. O quarto, de pênalti, cobrado Deivid, provocou a expulsão de Erick camisa 11 do Juventude. Wendel e Pedro também marcaram e deram números finais ao placar.
O Cruzeiro jogou e venceu com Caue, Cauan, Wendel, João Pedro e Daniel (Alanzinho). Cauan 2, Pedro Henrique, Deivid (Rai), Léo. Erick e Jonathas ( Wellington ).
O Juventude jogou e perdeu com Artur, Lucas, Caio, Leandro, Lucas Henrique e Gabriel. Kauan, Vitor, Marco, Igor e Erick.

 

Comentários

comentários