Caiu a ficha da Nova Política no Rio e a Zona Oeste agradece

Após um período nebuloso com acusações mútuas e troca de farpas o governo do estado e a prefeitura do Rio ergueram a bandeira da paz.

O Governador do Estado anunciou o repasse de R$ 6 milhões mensais para o custeio de dois hospitais municipais da Zona Oeste do Rio. O anúncio foi feito na quarta-feira (26/6), pelo governador Wilson Witzel, em reunião com o prefeito Marcelo Crivella, no Palácio Guanabara.

– Agradeço ao Crivella por estarmos nos entendendo. Vamos repassar um total de R$ 6 milhões ao mês a hospitais da Zona Oeste, R$ 72 milhões por ano, contabilizou Witzel.

Na oportunidade eles falaram da possibilidade de privatizarem as operações do Sambódromo já no próximo carnaval.

– O Sambódromo é uma consequência, esse ano já trabalhamos juntos e conseguimos incentivos da Light num montante de R$ 25 milhões para o Carnaval.  Há um entendimento entre nós de que o Sambódromo deve contar com a iniciativa privada. Construir um novo modelo operacional que contemple a agenda anual é o desafio, disse o governador.

No âmbito da Câmara de Vereadores o rumo da prosa também mudou. O prefeito não é mais alvo dos vereadores, que já falam em esquecer as diferenças e trabalharem pela recuperação da cidade.