BRT voltará 2ª Feira com ligação expressa entre Campo Grande e Santa Cruz

A Estação BRT Campo Grande foi vistoriada nesta quarta-feira, 4 de dezembro, e a partir desta segunda-feira, 9 de dezembro, voltará a entrar em operação. Até lá serão recuperadas as instalações de vidros, fiação elétrica, catracas, banheiro, máquina de autoatendimento e sistema de rede integrada ao Riocard. A obra gastará R$ 400 mil  custeados pelo Consórcio BRT.

Dessa forma, será retomada a ligação direta com a estação de Santa Cruz, em um percurso de 16 quilômetros pelo corredor expresso do BRT. Na sequência serão reformadas outras estações que foram depredadas e disponibilizadas para operação. Após 18 meses os serviços serão retomados a partir de 6h de segunda-feira.

O trecho entre Santa Cruz e Campo Grande deixou de ser atendido pelo Sistema BRT em junho de 2018 por motivos de segurança pública. Como plano de contingência, a operação foi substituída por ônibus urbanos, através da linha 17, que operam fora da faixa exclusiva. Mesmo com a retomada do corredor expresso na Avenida Cesário de Melo, de 6h às 22h, em intervalos de 30 minutos, a linha 17 continuará a operar. A operação da linha experimental de coleta de dados (LECD), nome do serviço que entrará em operação nesta segunda-feira, contará com oito ônibus BRT Padron. Os usuários poderão embarcar ou desembarcar somente nas estações extremas (Campo Grande e Santa Cruz), ou nas estações Cajueiros, Gastão Rangel e General Olímpio, que permaneceram em pleno funcionamento. A LECD permitirá avaliar a viabilidade técnica da linha quanto à demanda efetiva nos horários e itinerário estabelecidos